3º Temporada de The Good Wife estreia no Universal Channel

 

O canal da tv por assinatura, Universal Channel, estreia no dia 10 de abril, às 23h, a terceira temporada de The Good Wife, que conta com participação especial de Kelli Giddish (Law & Order: Special Victims Unit) e Peter Jacobson (House). O novo ano da série promete atender à expectativa dos fãs que aguardam pelo romance da Alicia Florrick (Julianna Margulies) e Will Gardner (Josh Charles).

No final da segunda temporada, Alicia descobre que Kalinda (Archie Panjabi) teve no passado um affair com Peter (Chris Noth). A revelação abala a relação da advogada com a amiga e ela percebe que seu casamento não poderia seguir adiante. A decepção acaba finalmente aproximando Alicia e Will.

Já na terceira temporada, Alicia recomeçará sua vida e estará mais confiante e cheia de atitude. Os novos episódios trarão ainda intrigantes casos e participações especiais, como Lisa Edelstein (House), Matthew Perry (Friends), Jason Biggs (American Pie), Jennifer Carpenter (Dexter) e Parker Posey (Baladas em NY).

No episódio de estreia, “Um Novo Dia”, um antigo amigo de Diane (Christine Baranski), Wasim Al-Said (Omar Metwally), pede ajuda no caso de um estudante universitário palestino, Jimal Mifsud (Satya Bhabba), o único que foi preso e acusado de agredir um aluno judeu após haver uma briga entre paquistaneses e judeus. Alicia (Julianna Margulies) fica encarregada do caso.

Depois, na audiência de fiança, a advogada encara seu rival, Cary (Matt Czuchry). Quando a sessão termina, ela conversa com Jimal para acalmá-lo, dizendo que tentará diminuir o grau de acusação. Porém, ele afirma que não estava no local da briga.

Alicia conclui, então, que – como o assassino do estudante judeu não foi encontrado – a acusação caiu sobre o aluno muçulmano. Além disso, o caso pode ser parte da estratégia de campanha de Peter (Chris Noth), já que ele conta com patrocinadores judeus. E, para reforçar sua equipe, Peter contrata os serviços de Sophia Russo (Kelli Giddish).

Enquanto isso, Eli (Alan Cumming), que tem origem judia, aceita uma proposta de criar uma campanha contra a intolerância com muçulmanos. Por isso, um grande amigo também judeu, Michael Kahane (Peter Jacobson), o procura para expressar que é contra a atitude dele de fazer tal campanha.

Sobre a série

No drama, Alicia (Julianna Margulies) é esposa de Peter (Chris Noth), um político que se envolve em um escândalo sexual e acaba preso. Agora, ela precisa assumir total responsabilidade sobre a criação de seus dois filhos e enfrenta o desafio de retornar a sua carreira como advogada após 13 anos sem exercer a profissão. Um amigo dos tempos da faculdade, Will Gardner (Josh Charles), lhe oferece um emprego em um prestigiado escritório de advocacia em Chicago. Alicia percebe então que além de defender os clientes nos tribunais precisará ganhar a confiança dos seus colegas.

Já a segunda temporada da série The Good Wife apresenta um romance entre Alicia e Will, além de novos personagens para o elenco: Michael Ealy (Sete Vidas) como novo sócio de Will e Diane; Tammy Blanchard (Law & Order: Special Victims Unit), uma nova promotora que se tornará amiga de Cary; e Scott Porter (Querido John) que ajudará Kalinda nas investigações em campo. O episódio de estreia conta ainda com as participações especiais de Jacob Pitts (Quebrando a Banca) e Chris Sarandon (Psych).

Filmada em Chicago, The Good Wife traz como temática a superação de uma mulher que passa por uma reviravolta em sua vida.

Premiações – The Good Wife recebeu neste ano nove indicações ao Emmy Awards, sendo premiada na categoria “melhor atriz em série dramática” pela atuação de Julianna Margulies. Archie Panjabi também foi premiada no Emmy em 2010, na categoria “melhor atriz coadjuvante em série dramática”. Julianna Margulies acumula ainda outros importantes prêmios da televisão como o Screen Actors Guild Awards (2011), O Globo de Ouro (2010), e Television Critics Association Awards (2010).

Fonte e Fotos: Divulgação
Anúncios

A série ‘Oscar Freire 279’, do Multishow, estreia no Muu

Você já ouviu falar no Muu (www.muu.com.br)? Trata-se de um portal desenvolvido pela Globosat, que disponibiliza conteúdos da programadora para serem assistidos na íntegra em computadores fixos, laptops e dispositivos móveis como smartphones e tablets. Os aplicativos do Muu para iPhones e iPads podem ser baixados gratuitamente na App Store; já os apps para smartphones e tablets com sistema Android podem ser baixado no Google Play.

São aproximadamente 2.000 horas de conteúdos, exibidos nos canais GNT, Multishow, SporTV, Canal OFF, Globosat HD, Universal Channel, Canal Brasil, Rede Telecine, além de shows do Multishow HD. O serviço conta ainda com várias produções em alta definição (HD), incluindo filmes, série, musicais e os épicos “Camelot” e “Spartacus”, do Globosat HD. Para acessar, é necessário criar cadastro e login com informações que permitem a identificação do assinante na base de dados da NET. Em breve, o serviço estará disponível para as demais operadoras de TV por assinatura.

Voltando ao tema principal desse tópico, o Muu disponibiliza a partir de agora, uma das séries mais pedidas por seus usuários: os episódios da primeira temporada da série Oscar Freire 279, exibida pelo Multishow no final de 2011.

A trama foi a primeira série dramática do Multishow e conta a história de Dora, uma arquiteta recém-formada que, após mudar-se de Curitiba para São Paulo com o sonho de ser florista, torna-se garota de programa.

A série atraiu a atenção do público ao tratar de temas fortes e situações atuais que incluem prostituição, sexo casual e relacionamento homossexual. Todas as etapas da transformação na vida de Dora são abordadas: depois de conseguir um emprego de vendedora na badalada rua Oscar Freire, em São Paulo, ela é atraída para a vida de garota de programa por Beto, o primeiro a tratá-la como prostituta, até se tornar acompanhante de luxo na capital paulista e viver em um mundo de sofisticação e luxúria.

Com muitas locações em lugares conhecidos da capital paulista, a série, que tem direção de Márcia Faria e produção da Prodigo Films, não economiza nas cenas de nudez e sexo, mas sem ser vulgar e explícito.

A primeira temporada de “Oscar Freire 279” conta com 15 episódios, e o elenco traz nomes como Lívia de Bueno, Júlio Andrade e Maria Ribeiro. O link para acessar aos episódios é clicando aqui.

Fotos: Divulgação

Teaser da 5º Temporada de TRUE BLOOD

A estreia da quinta temporada esta prevista para Junho desse ano.

E na televisão…

TOUCH – HOMELAND – AMERICAN IDOL

O canal Fox estreiou ha duas semanas a série TOUCH com Kiefer Sutherland e não é que gostei. Primeiro pensei que iria rotular Kiefer o tempo todo pelo seu personagem de 24 horas, e segundo achei que a história não seria bem abordada. Ok, ela não é tão bem abordada assim (somente no primeiro episódio), mas ela me convenceu nesses dois primeiros e fazia muito tempo, que eu não esperava tanto pelo terceiro.

Não posso dizer ao certo, se o contexto realmente vingará ou não. Mas posso dizer que gostei (bem mais do primeiro do que do segundo) e achei a história um tanto quanto original, fato raro atualmente nas series de televisão. A história gira em torno do conceito de uma poderosa e enigmática conexão que articula a vida todos os seres humanos de maneiras impensadas.

Outra série que comecei a ver recentemente e gostei foi HOMELAND, exibida no Brasil pelo canal FX. É sobre um soldado americano que volta do Iraque depois de oito anos de seu desaparecimento. Mas, depois de sua volta para casa, surgem suspeitas a respeito de ele ser realmente um herói americano ou parte de uma célula adormecida que planeja um ataque terrorista. E para tentar desvendar a teoria de conspiração temos Claire Danes (longe daquele rostinho angelical em Romeu + Julieta). Não posso deixar de mencionar a brasileira Morena Baccarin (V), que também esta no elenco, mais sexy como nunca, como a esposa de Brody (o soldado “herói”).

Já se passaram três episódios e a série é boa pra caramba. Não deixa o ritmo ficar lento demais, e quando deixa é porque tem um propósito bastante claro, te chocar de alguma forma minutos depois. A primeira temporada possui 12 episódios  e a segunda já esta confirmada, devendo estreiar nos Estados Unidos em Setembro desse ano.

Tanto em TOUCH como HOMELAND, temos temporadas de poucos episódios, seria essa uma nova tendência? Confesso que, antes de ser um tanto quanto ousada é bastante interessante.

E AMERICAN IDOL? Alguém ainda assisti ao reality show? Tenho duas opiniões para isso, ou a fórmula esta muito desgastada com a chegada de The X Factor e The Voice, ou a produção do programa tem de certa forma policiado demais as críticas de Steven Taylor e com isso, deixado de ser interessante.

TNT estreia BOSS em 08/Abril

O psiquiatra Dr.Frasier Crane, surgido inicialmente no elenco de “Cheers” (e com uma meteórica passagem por outra comédia, “Wings”), foi alçado ao sucesso em uma série própria, que levava seu nome – na qual ficava claro que, para este médico, o riso era o melhor remédio. Em seu retorno à televisão, no entanto, o intérprete de Frasier, o premiado ator Kelsey Grammer, optou por um personagem com pouquíssima propensão aos sorrisos fáceis. Afinal, o prefeito Tom Kane tem que se preocupar não apenas com o dia a dia político em uma das maiores cidades dos EUA, mas também com um grave segredo sobre a sua saúde que, se vier à tona, pode arruinar a sua trajetória profissional. É esta a trama de BOSS (classificação indicativa 16 anos), série que rendeu a Grammer o Globo de Ouro® de “melhor ator” na edição 2012 – e que os fãs vão poder conferir na pré-estreia do domingo, dia 8 de abril, às 22h, e depois todas as quintas-feiras, a partir do dia 12, no mesmo horário das 22h.

A vida de Kane vira do avesso depois que ele acaba sendo diagnosticado com uma doença neurológica degenerativa. Determinado a seguir em frente em seu cargo, ele decide manter a doença como um segredo, compartilhado apenas com sua médica, a Dra. Ella Harris. Aqueles ao seu redor parecem ocupados demais com suas próprias vidas para perceber algo diferente. Meredith, sua esposa, compartilha com ele um casamento cuja palavra-chave é nada mais do que “conveniência”. Seus assessores diretos, Kitty O’Neill e Ezra Stone, respeitam o chefão de tal maneira que evitam ficar fazendo muitas perguntas. Apenas sua filha, Emma, aparenta suspeitar de algo. Mas será que ela saberia o bastante para desvendar a trama e o que esta doença significaria para o futuro da carreira política do pai?

BOSS é uma criação do iraniano Farhad Safinia, conhecido por ter dividido a autoria do roteiro do épico “Apocalypto” com o diretor Mel Gibson. Além de Grammer, o cineasta Gus Van Sant (de “Gênio Indomável” e “Elefante”) atua como produtor executivo. No elenco, estão ainda nomes como Connie Nielsen (da série “Law & Order: Special Victims Unit” e de filmes como “Advogado do Diabo” e “Violação de Conduta”) e Kathleen Robertson (conhecida como a Clare Arnold da primeira versão de “Barrados no Baile”).

A série BOSS, infelizmente, terá exibição apenas dublada.

Danilo Gentili recebe Sr. Barriga no Agora é Tarde

Parece que apresentador Danilo Gentili não pagou o aluguel, porque o próprio Sr. Barriga veio para o Mesa Vermelha desta noite cobrar os pagamentos atrasados, no Agora é Tarde, que vai ao ar daqui a pouco.

Edgar Vivar, o ator que interpretava o personagem que exigia dinheiro do Seu Madruga, participa da rodada de conversas sobre os temas mais discutidos e bizarros que invadem a mídia no momento. Com Danilo, Léo Lins e Murilo Couto vestindo chapéus dos personagens da Vila do Chaves, eles falam sobre a ida do Papa Bento XVI ao México e muito mais.

No programa desta noite, Danilo entra de carrinho na jogada e recebe o zagueiro do Corinthians, Paulo André. Durante a entrevista, o jogador comenta a fase do Timão e o livro que está lançando, “O Jogo da Minha Vida – Histórias e Reflexões de um Atleta”, trabalho pelo qual   dedicou nos últimos 12 meses, escrevendo em seu tempo livre dos campos.

late show desta quinta-feira também conta com as participações do comediante Marcelo Mansfield e da banda Ultraje a Rigor.

Agora é Tarde é uma produção Band Eyeworks do Brasil e vai ao ar toda terça, às 23h15, quarta, às 23h45 e quinta, às 23h55

Fonte: Divulgação
Foto: Felipe Pessota/Band

Nova temporada de Family Guy no Canal FX

A série estreia sua 11a temporada na quinta-feira (29/Março), à meia noite, e mostra as aventuras de Peter Griffin e sua família de classe média. Lois, sua esposa, domina a cena mas está sempre a um passo de ter um colapso nervoso; os filhos, Meg, de 16 anos, bode expiatório da família, Chris, de 13 anos, que não entende nada sobre garotas, e o pequeno Stewie, de um ano, um diabólico e inteligente garoto cuja heterossexualidade está por um fio. O clã está completo com o cão Brian, que adora martinis e loiras burras. 

Várias estrelas já emprestaram suas vozes para a série, incluindo Drew Barrymore, Robert Downey Jr., Rob Lowe, Hugh Hefner, Will Ferrell, Jay Leno, Kiefer Sutherland, e o lendário grupo de rock Kiss, entre outros.

Nesta nova temporada, Peter faz amizade com Ryan Reynolds (convidado especial), Megan apaixona-se por um garoto Amish e Quagmire tenta seduzi-la. Brian e Stewie viajam no tempo até que chegam ao primeiro episódio da série. No primeiro episódio, “Lottery Fever”, Peter gasta todas suas economias em bilhetes da loteria… e eles terminam ganhando o maior prêmio, ficando milionários. Fieis ao seu estilo, a família tenta manter a sensatez, mas isso resulta em uma batalha perdida.

HBO estreia a segunda temporada de Game of Thrones

Cinco reis disputam um único e todo poderoso trono na nova temporada da série dramática da HBO, Game of Thrones, ganhadora de um Globo de Ouro® e de dois Emmy®. Baseada nos best-sellers de ficção de George R. R. Martin, a megaprodução conta a luta épica e sangrenta pelo poder entre várias famílias que dominam os Sete Reinos de Westeros. A HBO estreia a segunda temporada simultaneamente com os Estados Unidos no dia 1º de abril às 21h.

Durante as dez horas da segunda temporada, as batalhas entre as Casas continuam após as mortes do Rei Robert e de Ned Stark, e do aparecimento dos recém-nascidos dragões de Daenerys Targaryen. O inverno gelado está se aproximando e o disputado Trono de Ferro em King’s Landing é ocupado pelo jovem e cruel Joffrey, aconselhado pela sua conivente mãe, Cersei, e pelo seu tio Tyrion, que foi nomeado Braço Direito do Rei. Mas o domínio dos Lannisters sobre o Trono está sendo atacado em várias frentes.

Robb Stark, filho do falecido Lorde de Winterfell Ned Stark, busca autonomia no norte e fez Jaime, irmão de Cersei, prisioneiro de guerra; Daenerys Targaryen tenta manter o seu debilitado poder no leste com a ajuda dos seus três novos dragões; Stannis Baratheon, irmão do também falecido Rei Robert, não reconhece a legitimidade de Joffrey e se alia a uma sacerdotisa poderosa para organizar um ataque naval; e Renly, irmão de Stannis, continua querendo subir ao trono, mesmo depois de fugir de King’s Landing.

Enquanto isso, um novo líder desponta na parte selvagem além da Muralha, o que representa mais ameaças para Jon Snow e para a Ordem dos Guardiões da Noite. Com tensões e traições, brigas e alianças, a segunda temporada de Game of Thrones promete uma emocionante viagem por uma paisagem fictícia inesquecível. O jogo dos tronos vai começar e não existem regras entre essas famílias na disputa por poder e controle.  Com o perigo vindo dos céus, muitos apostam na sua vitória pelo trono, mas apenas um reinará!

O novo elenco conta com Stephen Dillane (indicado ao Emmy® pela série da HBO John Adams) no papel de Stannis Baratheon; Carice van Houten (Valkyrie) como Melisandre, uma sacerdotisa poderosa e musa de Stannis; e Liam Cunningham (Strike Back) como Davos Seaworth, um cavaleiro aliado de Stannis e ex-contrabandista. A segunda temporada conta ainda com a participação de Gwendoline Christie (Brienne), Robert Pugh (Craster), Patrick Malahide (Balon Greyjoy), Gemma Whelan (Yara Greyjoy), Kerr Logan (Matthos Seaworth), Natalie Dormer (Margaery Tyrell) e Rose Lesie (Ygritte), entre muitos outros.

Filmada em locações na cidade de Belfast, na Islândia e na Croácia, a segunda temporada de Game of Thrones tem produção executiva de David Benioff e D. B. Weiss. George R. R. Martin é um dos coprodutores executivos.